ÁREAS DE ATUAÇÃO
Societário
Fusões e Aquisições
Investimentos Estrangeiros
Imobiliário
Soluções de Controvérsias
Família e Sucessões
Compliance no Combate à Lavagem de Dinheiro nos Negócios
Mercado de Capitais
Contratos
Tributário
Financiamentos Estruturados
Antitruste
Telecomunicações
Trabalhista
Notícias
TJSP: Justiça paulista determina aresto de participação acionária de empresa « Ver Todas
Decisão do juiz Roberto Luiz Corcioli Filho, da 6ª Vara Cível Central de São Paulo, determinou arresto da participação acionária que a empresa OAS Infraestrutura possui junto à Invepar (limitado a 8,89% das ações). A ação, uma execução de título extrajudicial, foi proposta pela Pentágono Distribuidora de Títulos e Valores Imobiliários, que representa investidores que adquiriram R$ 160 milhões em debêntures da OAS S/A.
De acordo com a decisão, a empresa OAS S/A teria transferido ações que possuia da Invepar (8,89%) para uma subsidiária integral (OAS Invest.) que, por sua vez, teria transferido as ações para outra subsidiária integral (OAS Infraestrutura).
O juiz destaca que, de acordo com a documentação, há suspeita de que houve confusão patrimonial. “Ao lado disso, patente o direito da exequente em obter o arresto das tais ações, posto que, também nesta análise sumária, parece claro que o grupo executado encontra-se em iminente risco de completa insolvência (conforme se depreende das notícias na mídia, ante o envolvimento da OAS no esquema de corrupção que tem tomado as manchetes ultimamente - Operação Lava-Jato -, bem como da documentação juntada). A par disso, o grupo executado já estaria negociando a venda de uma série de ativos, incluindo as ações da Invepar”, afirma.
Cabe recurso da decisão.
Processo nº 1007531-92.2015.8.26.0100
http://www.tjsp.jus.br/Institucional/CanaisComunicacao/Noticias/Noticia.aspx?Id=25485

NOTÍCIAS
26/11/2018
TJSC: Justiça decide que administrador de coworking não é responsável por locatários


23/11/2018
SRF: Consolidação da legislação sobre o imposto de renda é publicada


20/11/2018
STJ: Todos herdeiros legítimos fazem jus à partilha igualitária de cota testamentária que retorna ao...


20/11/2018
TRT1: Deferida licença-maternidade e indenização de R$30 mil a trabalhadora cuja filha foi gestada p...


Rua Augusta, 1819 - 24º andar - CEP 01413-000 - Tel: (11) 3372-1300 Fax: (11) 3372-1301 - São Paulo SP / Brasil
Criação de Site: R2Labs
Twitter LinkedIn Facebook Orkut Digg Del.icio.us Facebook Twitter